Textos

T U M B A S
T   U   M   B   A   S

Um dia meus olhos serão meus
Verão o mundo como desejo vê-lo
Sem máscaras, perguntas e respostas
Q ñ se podem indagar nem responder
Ancestrais verei sem seus disfarces
Sem os fogos fátuos dos cemitérios
Não se pode ver a dita humanidade
Senão do alto da argila acontecer
A Grande Muralha o Muro de Berlin
AméricaÁsiaÁfricaEuropa e Bahia
Presas em suas Torres Gêmeas
Torres Gêmeas de mar e marfim
Encarceradas em suas reles magias
Reinos que se refugiam em tronos
Descem à terra milênios babilônicos
O barro e os raios de sol ficaram
Na espiral, os vórtices abriram-se
Portas q guiam a outros firmamentos
Quem poderia perguntar ou responder
Se o tempo de perguntas e respostas
Já se foi??? Na estrela brilha o grão
O grão de areia. Quem tem olhos veja
Os ouvidos espreitam sem ouvir
Há dez mil anos aprenderam atear
A fazer o fogo com as mãos
O fogo q ñ mais parou de consumi-los.

Decio Goodnews
Enviado por Decio Goodnews em 19/06/2021
Alterado em 21/06/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários