Textos

A NARRATIVA DO ANJO (III)
A NARRATIVA DO ANJO (III)

""Estes “saltos quânticos” no tempo (Roma, Sodoma, Neolítico, Paleolítico, Big-Bang, Planetas em outras galáxias...) precisam de assimilação por leitores menos avisados. A mente de alguns de leitores necessita de se atualizar. As pessoas são educadas nesse modelo padrão de sociedade universal, no sentido de logo ficarem cansadas quando praticam um mínimo exercício de leitura que não seja dos quadrinhos da Mônica ou de romances tipo Paulo Coelho e quejandos"".

"As pessoas estão com suas mentes carentes de conhecimento pertinente às leituras que lhes tirem da zona de conforto, da preguiça mental semeada em suas mentes, consciente e subconsciente, por décadas de submissão à (falta de) ideias, ações, pensamentos e comportamentos que não estejam inseridos dentro de uma arapuca de convenções ordinárias social mente aceitas, não sujeitas à críticas e questionamentos nas salas de aula ou na sala de jantar".

"Na Roma antiga os estádios de futebol eram as arenas onde gladiadores espetavam-se com tridentes, espadas, catanas, gládio, sabre, espadim, marretas, facas, facões, ossos de animais, redes de imobilização, lanças, machados, martelos, arcos, escudos, capacetes, armaduras, peitorais".

"Hoje, as torcidas organizadas e as desorganizadas se divertem nas galeras a berrar alegrias com celulares em mãos e sons guturais nas gargantas roucas e emocionadas por estar a torcer pelos sapatões ou chuteiras correrem atrás de uma bola visando fazê-la chegar à rede por detrás do goleiro nos jogos de futebol, futsal, handebol, hóquei, basquete...".

"A sensibilidade brutalizada da galera valoriza os atores ou gladiadores trás à bola, são os figurantes a cultura fálica no corre-corre de frente, acima e atrás de outras bolas dentro dos calções... Uma cultura freudiana e fálica demais. As galeras gulosas por gols não contrabalançam o fanatismo torcedor com cultura poética em prosa e verso, obras literárias e dramatúrgicas, leitura de jornais. O corpo fanatizado pela insânia não deseja ações de incentivo ao intelecto".  

"A sensibilidade brutalizada das galeras despreza a educação e a cultura com total e irrestrito apoio dos governos que se sucedem sucessivamente sem cessar na exemplificação de que dinheiro e corrupção são as metas daqueles que deveriam tutelar a sociedade com preparo intelectual. Preparo sem o qual um país não é senão uma fábrica imensa de produtos bípedes e sociais dedicados à corrupção da qual são exemplos exemplares os políticos da atualidade".

"O futuro desses modelos de desenvolvimento social planetário, vejo com muitíssima antecedência. Tenho a visão dos profetas. Vejo facilmente o que está a acontecer e o que virá nos milênios seguintes. Os profetas veem o futuro, mas não podem mudá-lo. Eu também não. A muito longo prazo vi o futuro século XXI neste planeta, e em muitos outros semelhantes".  

"A corrupção pontifica em todos os nichos da sociedade dedicada ao sofá ou à imersão no Inconsciente pessoal e coletivo. A admiração de analfabetos que chutam bola e sequer têm a dignidade de emitir opiniões que possam alimentar a atenção de seus torcedores no sentido de alertar: ““nem só de “bola”” vivem os homens. Unam-se em favor de suas descendências esfaceladas por uma educação para o se refestelar de gusanos".

"Não há um único pensar humano, nem uma única ação do Homo sapiens que eu não saiba antecipadamente prever. Acompanhei a evolução gradativa desses primatas em um sem número de planetas nesta Via-Láctea e em muitas outras galáxias. Presenciei a extinção dessa espécie em mundos os mais diversos nos mais dissemelhantes e distantes sistemas solares".

"A extinção do Homo sapiens neste planeta é tão certa quanto o sol nascer amanhã de manhã. Não há finalidade em sua existência senão a produção de trabalho escravo e o coletar de riquezas e recursos patrimoniais torpes. A finalidade dessa espécie neste planeta está cumprida. Mais um século não se passará sem que a memória da história tenha registros de seu total desaparecimento".

"A destreza intelectual e a evolução científica dessa espécie não são mais do que mitos criados para mantê-la se multiplicando enquanto produção de mão-de-obra operária. A conquista espacial é uma farsa que se repete há milênios em todos os sistemas solares os quais chegaram a esse estágio de tecnologia avançada".

""Aquela conversa fiada de “um pequeno passo para um homem, um grande salto para a humanidade”, frase dita por Armstrong ao pisar no satélite natural da Terra que, na realidade, é um satélite artificial, é um fala que já ouvi e vi se repetir uma quantidade superlativa de vezes em outras conjunturas tecnológicas semelhantes"".

"A espécie sapiens não criou uma única equação, uma singular ideia sui generis durante milênios de sua existência. Tudo nela fora gradativamente programado no DNA de androides e ginoides que ganharam a forma do casal adâmico na narrativa bíblica de Adão e Eva no Paraíso Perdido. Não há nada, nonada, do que possa vivenciar que não esteja no código genético do homem e da mulher que jamais foram homem ou mulher, mas seres de sexualidade híbrida".

"""Toda a ciência e filosofia, toda a enxurrada de novidades “hightech” que hoje fazem suas mãos se ocuparem com celulares e computadores, foi roubada de naves espaciais Ets. Essas, foram propositadamente “caídas” em território americano, russo, chinês, e outros, que deram à tecnologia pirateada o nome de “reengenharia” nas áreas ditas secretas de seus respectivos governos de ocupação militar da pesquisa, reciclagem de materiais, privatização de tecnologias Ets...""".

"A estratégia de demissões de funcionários em todos os níveis nessas instalações secretas, é parte da estratégia industrial militar que visa esconder a apropriação indébita das patentes extraterrestres pela indústria de materiais de alta, surpreendente e insólita tecnologia ET".

"A indústria derivada do desmonte das naves por equipes de cientistas e funcionários altamente competentes em suas respectivas especialidades, com ênfase em Física teórica, engenharia, mapeamento e gestão de processos da produtividade de alto desempenho... Esses profissionais extraterrenos trabalham em comunal convivência com profissionais cientistas da Terra".

(P.S: Este texto possui por principal objetivo fazer com que as pessoas pensem os escritos ditos sagrados, não apenas do Velho, mas básica mente do Novo Testamento, repensando-os em termos atualizados na dimensão perceptiva que precisa ser exercitada no século XXI!!!).

Decio Goodnews
Enviado por Decio Goodnews em 28/09/2020
Alterado em 12/10/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários