Textos

PERSONAGENS
PERSONAGENS

Quantas personas passaram por ti
Ao longo de cada um de teus dias
Transitaram sem reivindicar tempo
Sem que fossem reconhecidas.

Quantas histórias contaram
Sem que fossem ouvidas
O mar, a terra o iceberg
Ulisses distante de Ítaca.

O Eremita isolado de tudo
Sorriu com olhos de lágrimas
O arco-íris seduziu o mundo
Sem a presença da alma.

Passaram depressa os dias
Pelos caminhos de ferro
O outono chegou apressado
Igual cristal que se quebra.

As vidas fluíram, universos
Chegaram breves e partiram
Sem que te desses conta
De quanta esperança nutriram.
Decio Goodnews
Enviado por Decio Goodnews em 29/04/2019


Comentários