Textos

O NORTE ESTÁ NO SUL
O NORTE ESTÁ NO SUL

Nessa Terra de ninguém
Você nunca teve moradia
Poderias querer voltar?
Se não há nenhum lugar
A bagagem é seu corpo
Seu mundo familiar está
Morto. Inexiste alguém
Neste mundo que saiba
Seu dia de aniversário?
Todos esqueceram sua
Existência. Parentes ou
Vizinhos e outra gente
A banda: teclado e sax
Os sons do seu agravo
Bar, bebidas e risos
Começa tudo de novo
Nada ainda harmoniza
Ou faz sentido. Só os
Gases estelares os puns
De minha querida
Fazem a treva da cidade
Parecer menos obscura!

Decio Goodnews
Enviado por Decio Goodnews em 16/12/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários